Gestão de vendas para empresas de comércio


Sabe quando você está andando na rua ou no shopping e vem aquele cheirinho inconfundível daquela sua loja favorita ou então por mais que você nem conheça o produto, aquele cheiro chama a sua atenção? Uma loja de chocolates, por exemplo, dá até para ter a sensação do chocolate derretendo na boca, não é mesmo? Hoje vamos ver como essas estratégias influenciam na gestão de vendas para empresas de comércio! Vamos lá?

Ao sentir os aromas de produtos, comida, enfim, seu cérebro trabalha com o seu desejo, o desejo de consumo.

Por mais que você não precise daquele produto, não tenha a necessidade dele, você é atraído pelo desejo da compra.

Pois bem, mas por onde começar esta gestão para produzir este efeito em meu público alvo? Fique atento aos principais pontos para adaptar a gestão ao seu negócio:

- Plano de ação

Lembra que falamos sobre o plano de ação? Onde definimos nossas metas, estratégias, etc.? Aqui na gestão de vendas você deve fazer uso deste plano. Definir como serão executadas suas estratégias para atingir as metas, quem serão os responsáveis e quais os prazos.

Leia mais: Plano de ação para a sua empresa: o que é e como desenvolver

- Monitore suas vendas

Após montar o seu plano de ação, vamos colocar em prática?

Para que as vendas de fato se concretizem precisam ser monitoradas de perto, ou seja, encontrar os motivos que levam o seu cliente a consumir o seu produto, ficar de olho no procedimento para saber quando é a hora de modificar, verificar a sazonalidade das vendas, enfim, monitorar o andamento das vendas para que tudo corra bem.

- Defina metas de vendas

Outro ponto muito importante na gestão de vendas para empresas de comércio é a definição de metas. Estamos falando em competitividade mesmo! As metas fazem com que a equipe trabalhe ainda mais empenhada para atingir um bom resultado e claro também são aceitos prêmios para o melhor desempenho. Rsrsrs

- Estimule o seu vendedor

É muito comum que as empresas de comércio paguem uma comissão por venda, isso incentiva ainda mais a equipe, além de remunerar muito bem os seus empregados e aumentar o ticket da empresa.

- Persona

Muito bem, você irá vender o seu produto para uma pessoa de verdade, mas como saber quem é essa pessoa que você irá atingir?

Por meio da persona! É basicamente a criação de um cliente ideal para a sua empresa. Aqui você irá destacar as características desse cliente, como a profissão, a idade, o sexo do seu público, você irá conhecer a fundo os seus gostos, os seus hábitos, onde eles estão, como realizam a compra do seu produto, quem são as pessoas que influenciam no seu poder de compra e quaisquer outros atributos que você considere relevante.

- Invista em treinamento para a equipe

Não apenas cuidar do cliente é preciso cuidar da sua equipe. Invista em treinamentos para seus empregados, técnicas de vendas ou estudo aprofundado de persona, por exemplo. Isso também permite que seu vendedor esteja antenado às novidades.

- Pós vendas

Conhecer o seu público, equipe treinada, incentivo, monitoramento, metas, tudo redondinho, e agora o que falta?

O pós-venda! Muito mais que realizar uma venda é cativar o seu cliente para uma nova compra. Depois que o seu cliente já comprou o produto você ainda precisa conquistá-lo, só assim você terá garantia que ele voltará a comprar com você. Mas como fazer isso?

Envie um e-mail com orientações de uso, manutenção do produto, mande uma mensagem pedindo como foi a experiência do cliente, peça se ele recebeu o item e se estava de acordo com o esperado. Só depois trabalhe como promoção imperdível ou chame para uma nova compra.

E aí já sabe como colocar em prática a gestão de vendas? Espero que tenha aproveitado 100% este conteúdo e que de alguma forma você consiga inserir na sua empresa.

E se as suas dúvidas forem a respeito da contabilidade da sua empresa, fale com a nossa equipe!

 

Referência: Conta azul

Deixe um comentário