Como abrir uma empresa


Quem não gosta daquele cheirinho de novo? Aquela ansiedade para experimentar a comida nova da cidade? Ou ainda, quando finalmente você achou a empresa ideal para prestar serviços?

É assim que o seu cliente pensa quando descobre que tem algo novo por aí...

Mas para isso dar certo é preciso desenvolver um plano de negócios, identificar quais os meios para obter o capital necessário, e ainda, pensar com muita atenção e cuidado na hora de montar toda a estrutura, decoração e equipamentos necessários para sair do papel.

Desenvolvendo o plano de negócios

Um belo dia você tem uma ideia genial para desenvolver um novo negócio na sua cidade. Abrir aquele barzinho com conceito europeu e comida típica da região. Ótimo! Você sabe que não tem nenhuma outra lanchonete que irá produzir uma comida tão deliciosa e um atendimento excelente como o seu, afinal, seu trabalho será duro e você irá se esforçar para isso. Pois bem, você já colocou tudo no papel?

Prepare o cafezinho, pegue seu notebook ou computador, sente em uma cadeira confortável e siga os passos abaixo.

Para desenvolver um plano de negócios você precisa:

Identificar o negócio

Seu desejo é abrir um bar conceitual e oferecer qualidade em seus produtos e excelência em atendimento. Muito bem, mas o que será necessário para refletir esse conceito, que tipo de alimentação será servida, seu atendimento será personalizado? Qual a missão da empresa? Tudo isso precisa ser identificado quando iniciar seu planejamento.

Definir os objetivos do negócio

Se você vai abrir um bar conceitual precisa definir quais são seus principais objetivos, assim saberá qual caminho seguir. O que você deseja levar à comunidade e o que isso irá refletir na vida das pessoas? Aqui você pode definir o foco da sua empresa, indicadores que deseja atingir, definir uma meta e colocar prazos.

Analisar o mercado

Nesta fase temos uma pesquisa bem ampla sobre tudo que irá repercutir no seu negócio.

“Quem são meus clientes?”

Assim como qualquer empresa você tem clientes, é preciso segmentar esse público. Você irá atender pessoas ou empresas? Identificar qual é o gênero, idade, hábitos de compra, renda, etc. Tudo isso irá afetar os próximos passos, identificando os canais de distribuição, comunicação, política de preços e muito mais.

Além disso, “Tenho concorrentes na minha cidade?” “Como meus concorrentes de outras cidades estão agindo?”. É preciso analisar profundamente seus concorrentes, identificar quais meios de divulgação estão utilizando, o que há de diferencial na sua empresa, qual é o tipo de atendimento, quais as características da empresa. Isso tudo fará com que você pense além, se o seu concorrente entrega dessa forma você poderá traçar um plano para ter um resultado ainda melhor.

Plano Operacional

Seu plano está indo de vento em popa, como diria a sua a avó. Agora precisamos saber como tudo será realizado. O que exatamente você irá produzir e o que precisa para isso.

Vamos lá: “Como vou atender meus clientes? Como vou comercializar meus produtos e quais os materiais serão utilizados? Será necessário contratar funcionários, quais as qualificações do cargo e a quantidade de pessoas?” Tudo isso aliado ao tempo que será demandado em cada etapa.

É momento também de selecionar fornecedores e parceiros, identificando a disponibilidade deles. Feito tudo isso, pode ser realizado um desenho de planta baixa, por exemplo, estabelecendo o tamanho de cada cômodo que será implantado no seu bar conceitual.

Captar recursos por meio de financiamento ou talvez um sócio

A sua ideia é nova no mercado e tem tudo para dar certo, mas o quanto será necessário investir para que o seu sonho se torne realidade? Este é o momento de estabelecer todos os recursos para colocar em prática o seu bar conceitual.

Primeiro você precisa ter uma estimativa de custos iniciais, aqui você irá fazer uma soma do aluguel do local, dos equipamentos para funcionamento, mesas, cadeiras, decoração, enfim, tudo que precisa estar prontinho para receber seus clientes.

Além disso, no documento deve conter uma previsão do fluxo de caixa, identificando quanto tempo levará para o caixa ficar positivo. E para isso, temos que conhecer a rentabilidade do negócio, quanto do investido está sendo recuperado. E como fazer? Dividir o lucro líquido pelo seu investimento. Todos esses itens devem ser preenchidos detalhadamente para dar um start no seu negócio!

E esse recurso será por meio de um financiamento ou seria melhor um sócio? Leia nosso artigo: Busca um sócio ou pegar dinheiro emprestado?

Leia: Buscar um sócio ou pegar dinheiro emprestado

Avaliação do plano de negócios

Não temos como prever o futuro dos negócios, mas planejar pode fazer você antecipar algumas situações para que possa se preparar para elas.

Vamos lá!

Seu plano de negócios está completinho, preenchido e tudo bem organizado. Mas não é só isso não meu caro! Se os resultados forem positivos é hora de colocar em prática tudo isso. Vamos às compras?

Com cartão ou dinheiro em mãos vamos aos fornecedores e comprar todos os ingredientes necessários para fazer aquela comida de dar água na boca. Seu cozinheiro tem aquela receita secreta? Ótimo! Vamos anotar tudo e fazer o pedido.

Aquela loja de departamentos da cidade vizinha tem tudo que você precisa para mobiliar e decorar de acordo com o conceito europeu do seu bar? Faça o pedido ou alugue uma van! Cada detalhe faz a diferença quando se trata de um bar conceitual. Aquele quadro com a imagem das lindas paisagens da Alemanha, a cabine telefônica de Londres e que tal o cardápio com nome dos países? A pintura, as luzes, uniformes, tudo precisa estar dentro do conceito.

Busque inspiração fora do seu contexto, realize visitas, participe de cursos, palestras e mantenha-se atualizado sobre o mercado. Fazer um experimento com possíveis clientes também é uma ótima ideia, apresentar o local, servir um drink e uma refeição.

Ah, sem contar com o atendimento. É preciso adequar ao padrão da empresa, motivar a equipe, investir em treinamentos e receber mais do que o esperado. E se você pensa que da porta pra fora o serviço está feito, você está enganado meu caro. Lembre-se sempre do pós-venda! Se você realizar um ótimo atendimento, entregar um produto maravilhoso e ainda mandar uma mensagem no final da noite para pedir sobre a experiência do cliente, ele volta! Volta com a família, chama os amigos e se torna um cliente fiel.

Tudo isso requer esforço e muita paciência!

Mas nós temos uma boa notícia para você. Toda a parte burocrática e documentação para abrir uma empresa você pode contar com o apoio da Razonet. Desempenhamos o papel desde a escolha da sua atividade até a escolha da sua tributação.

Fale com um dos nossos atendentes! (:

Acompanhe nossas redes sociais.  Os próximos artigos seguem um passo a passo durante toda a gestão da sua empresa.